01.08.2016


Com o tema "Sede de misericórdia, ponto de partida e de chegada da animação vocacional", o Simpósio Vocacional promovido pelo IPV-Rogate, em parceria com a CRB-SP, dias 25 e 26 de junho de 2016, na FAPCOM, em São Paulo (SP), produziu frutos, com três indicações: a) CONVERSÃO PASTORAL (mudança interior, de mentalidade, de discurso, sair do comodismo, sem negociar os valores do Reino); b) TESTEMUNHAS DA MISERICÓRDIA (apresentar o rosto misericordioso de Deus, através dos exemplos de profetas e da própria Palavra divina, especialmente das parábolas dos evangelhos, e favorecer experiências concretas de misericórdia. Escutar, acolher e amar os vocacionados/as na sua história pessoal e realidade social, familiar, política e religiosa, respeitando ritmos e maturidade de cada um, levando-os a ter a certeza de serem amados por Deus Pai, através da amizade e da fraternidade das nossas comunidades, e os ajudando a compreender suas experiências de vida, percebendo suas fraquezas e limitações também como manifestação da misericórdia divina); c) FORTALECIMENTO DA CULTURA VOCACIONAL: RUMO A UMA PRÁXIS DE MISERICÓRDIA QUE GERA ESPERANÇA (que a animação vocacional seja realizada na messe, na sociedade e na Igreja, em todos os ambientes, com testemunho e coerência de vida, com paixão pela própria vocação e amor pelo serviço e missão, na gratuidade. Valorizar o outro como vocacionado e promover o seu protagonismo, para que seja capaz de transformar situações adversas em oportunidades e sinais de vida, e adote uma prática coerente de vida, na compreensão da ecologia integral. Rezar pelas vocações. Envolver a família no processo de animação vocacional. Propor um SAV em saída, em vista da aproximação ao outro. Estar atento à dimensão política da vocação, reconhecendo os espaços sociais e políticos também como sagrados e geradores de vínculos e transformações. Investir permanentemente no serviço de animação vocacional).








voltar